10 dicas para reduzir os desperdícios de alimentos

 

Evite o desperdício de alimentos

Acontece a todos nós: Limpamos o frigorífico e descobrimos um recipiente cujo conteúdo se  transformou num alimento extraterrestre! Ou então exagerámos a fazer o jantar e tivémos de guardar sobras. Desperdício de comida pode parecer banal, mas se nos tornarmos mais conscientes podemos assumir o controlo dos desperdícios alimentares e fazer toda a diferença!

Desperdiçamos um terço dos alimentos produzidos. Num mundo em luta para dar de comer a 7 biliões de pessoas, é de facto um problema. Temos, como consumidores, o poder de contrariar o desperdício. Veja estas dicas para desperdiçar menos, poupar dinheiro e ajudar  o planeta.

  1. Coma as sobras. Quer coma as sobras tal como estão, quer as transforme em algo de novo, não deite fora as sobras.
  2. Coma menos carne. A produção de carne desperdiça alimentos. Como? Em vez de comermos cereais e feijões directamente, usamo-los para alimentar gado. É uma maneira muito pouco eficiente de produzir comida. Para reduzir o desperdício, faça refeições com menos carne.
  3. Não  fique obcecado pelo prazo de validade dos alimentos. Ninguém gosta de comer alimentos estragados, só que as datas indicadas não passsam de estimativas. Há vários sites com informações sobre como saber se ainda pode comer alimentos fora do prazo.
  4. Cultive para si próprio. Parte do desperdício alimentar ocorre devido a deterioração durante o transporte. Quando cultiva para si, evita quilómetros de desperdício de comida. Não precisa de um grande jardim para cultivar os seus produtos! Se tem um quintal ou uma varanda, cultive em recipientes.
  5. Não saia sem uma lista de compras. Ir ao supermercado pode ser stressante se vaguear pelos corredores a pensar o que vai dar de comer à família durante a semana. Acabará por comprar alimentos que não irá usar. Em vez disso, antes de sair de casa, gaste algum tempo a planear o que vai cozinhar e comer. Veja o que tem na despensa e frigorífico, avalie o que precisa e faça a sua lista de compras.
  6. Não vá às compras com fome. Certamente já foi às compras com fome e sabe que tem tendência para comprar a loja toda. Coma alguma coisa antes de sair ou leve uma fruta ou barra de cerais para o caminho. Dessa forma quem comanda as compras é a sua lista e o seu cérebro, em vez do seu estômago.
  7. Experimente conservar.  Pode acoentecer comprar mais cenouras do que as que precisa. Pode optar por congelar, guardar em frascos ou transformar em pickles, ganhando tempo e evitando a desperdício.
  8. Procure produtos biológicos ou locais. As lojas convencionais rejeitam produtos que são “feios”, isto é, são de calibre inferior ou tem uma mancha e são rejeitados e deitados fora, causando toneladas de desperdícios. Se começar a comprar estes produtos não só apoia os produtores locais como evita os desperdícios alimentares das grandes superfícies. Só ganhos
  9. Aproveite ao máximo os alimentos. Sabia que pode fazer pesto com a cabeça das cenouras e que pode cozinhar as partes verdes da beterraba, nabos ou couves de bruxelas? Há muitas maneiras de cozinhar com restos de frutas e de legumes.
  10. Organize-se. Quando chegamos das compras temos tendência para arrumá-las na despensa e frigorifico de forma desorganizada. Certifique-se de que coloca os alimentos mais próximos do fim da validade à frente e no meio, para que os consuma dentro do prazo.

Conhece outras formas de reduzir o desperdício de alimentos? Partilhe e comente.