7 Dicas de Acupuntura para um Outono Saudável

As novas estações são uma excelente oportunidade para avaliar o nosso estado de saúde e reajustarmos os nossos ritmos naturais.

Do ponto de vista da acupuntura, o Outono é sinónimo de aperfeiçoamento e purificação. É a altura indicada para assentar, para deixar de lado todos os excessos permitidos durante o Verão e para nos focarmos no que é realmente necessário para um Inverno mais saudável.

Na teoria da acupuntura, os humanos são entendidos como microcosmos no mundo natural que os rodeia. O tempo e o clima, principalmente durante a transição de estações, podem influenciar significativamente os planos de diagnóstico e tratamento da acupuntura.

A transição para o Outono é especialmente importante, uma vez que significa a mudança de estações mais activas para uma época caracterizada por uma maior passividade. Esta alteração tem implicações significativas na forma como nos sentimos, e no processo de prevenção e tratamento de doenças.

Como se manter saudável durante o Outono?

Cada estação está relacionada com um elemento natural, um órgão e uma emoção. O elemento, o órgão e a emoção correspondentes ao Outono são, respectivamente, o metal, o pulmão e a dor que nos acompanham durante toda a estação e nos ajudam a compreender a forma de alcançar o bem-estar.

Com o metal, o pulmão e a dor como nossos guias, reunimos 7 dicas importantes que deve seguir para se manter saudável durante este Outono.

1. Faça uma lista das suas prioridades

O Outono é o momento ideal para abraçar as suas qualidades que são influenciadas pelo metal: ser forte e decidida, manter-se focada e apurar o seu discernimento. É, por isso, a melhor altura para avaliar o que é realmente importante e descartar tudo o que possa estar a estorvá-la no momento de perseguir os seus objectivos.

Escreva uma lista das prioridades que realmente merecem a sua atenção e debruce-se sobre elas durante a estação. O Outono aumenta a nossa habilidade inata para a concretização, algo de que pode tirar partido, focando-se naquilo que realmente interessa.

2. Use um cachecol

O órgão associado ao Outono, o pulmão, é também o órgão mais exterior e actua como a primeira linha de defesa contra elementos patológicos externos. Com a diminuição das temperaturas e o aumento da intensidade de ventos frios, o pulmão torna-se um órgão ainda mais vulnerável.

Para além disso, os elementos patológicos como o vento e o frio invadem o corpo pela parte de trás do pescoço, o que torna indispensável a protecção desta área durante as estações frias. Por isso, mesmo que esteja um dia solarengo, opte por trazer sempre consigo um lenço ou um cachecol.

3. Faça acupressão no ponto P7

Um dos melhores pontos para fortalecer o pulmão é o P7. A sua pressão ajuda em casos de tosse, falta de ar e congestão nasal.

É também considerado como um dos pontos mais eficazes para aliviar a dor e a tensão no pescoço. Como mencionado anteriormente, usar um cachecol ajuda a prevenir, mas para se proteger do efeito do frio nesta zona e da dor e tensão que daí resultam, a acupressão no ponto P7 é uma excelente prática.

Para o localizar, comece por fazer o sinal de “OK” com o polegar para cima. Na base do polegar vai encontrar uma depressão e se a partir daí subir aproximadamente dois dedos no braço, encontra o ponto P7 (identificado a vermelho na imagem).

4. Mantenha-se hidratada

A sensação de secura é comum no Outono. Uma vez que o pulmão é o órgão mais exterior, é também o órgão que mais se relaciona com a pele que fica mais seca e mais susceptível a irritações durante esta estação. Beba muita água e mantenha a sua pele hidratada com cremes sem álcool.

Outra boa razão para se manter hidratada é a regulação do trânsito intestinal. O intestino grosso é o órgão associado ao pulmão, verificando-se nesta altura do ano uma maior incidência de problemas de prisão de ventre.

5. Reformule a sua dor

A emoção associada ao Outono é a dor. Por esta razão, esta é a melhor altura do ano para olhar para dentro de si e reflectir sobre situações emocionais que ficaram por resolver. Isso pode representar um reajuste após a onda de energia e bom humor vividos durante o Verão, mas é normal sentir-se sombria e pensativa durante esta estação do ano.

A incapacidade para se adaptar a esta mudança emocional pode sugerir um desequilíbrio. No entanto, antes de achar que pode sofrer de um transtorno afectivo sazonal – um diagnóstico comum para pessoas que se sentem deprimidas nas estações mais frias – tenha em conta que pode estar a passar por um período de maior consciência da sua dor, própria do Outono.

6. Coma refeições quentes

Afaste-se das saladas! As saladas frias, cruas e refrescantes não irão trazer-lhe qualquer benefício durante o Outono. Da mesma forma que necessitamos de manter os nossos corpos quentes por fora, precisamos de mantê-los aquecidos também no seu interior.

No Outono, coma alimentos cozinhados e quentes. Troque as saladas por vegetais assados no forno ou arroz integral. Adicione aos seus cozinhados cebola, gengibre, alho e mostarda, óptimos para o pulmão.

A beterraba, o nabo, a cenoura, a batata-doce ou a abóbora são excelentes alternativas vegetais para as saladas. Pode ainda optar por frutos da época, como as maçãs, as pêras, as uvas ou os figos.

Desejamos-lhe um Outono feliz e saudável!

Adaptado de: 7 Acupuncture Tips for A Healthy Fall de Sara Calabro

Poderá também ter interesse em: