8 Formas de encontrar alimentos que curam

8 Formas de encontrar alimentos que curam

Alimentos que curam

Há pouco tempo, tive a oportunidade de participar num workshop de preparação de alimentos, adaptado a uma paciente com cancro que procurava ajuda para melhorar a sua saúde.

A mulher em questão foi franca relativamente aos diferentes factores que acreditava terem contribuído para a sua doença, entre eles a sua fraca dieta alimentar. Não só tinha vários hábitos prejudiciais como também uma vida com relacionamentos toxicos, uns atrás dos outros. Apesar de tudo, ela admitiu a necessidade óbvia de reformular a sua alimentação, começando com o simples passo de eliminar produtos de origem animal, trocando-os por alimentos de origem vegetal.

Uma alimentação sem produtos animais pode incluir todo o tipo de comidas deliciosas, como bolos, doces, lasanha e omeletes. No entanto, aconselhamos que se concentre em alimentos que purificam o organismo e ajudam no combate a doenças, proporcionando uma nutrição poderosa que alimenta todas as células do corpo.

Veja estas dicas básicas para ajudar a desmistificar o assunto:

  1. Prefira Vegetais. Carne, laticínios e ovos são conhecidos por alimentar o cancro, doenças cardíacas e muitos outros problemas de saúde. Alimentos vegetais integrais são exatamente o oposto, curam em vez de prejudicar.
  2. Coma Produtos Orgânicos, tanto quanto possível. Os produtos convencionais podem conter químicos que não são bem-vindos num corpo que se encontra em processo de cura. Há formas acessíveis de passar a consumir alimentos orgânicos.
  3. Simplifique. Minimize o consumo de alimentos refinados e processados e dê prioridade aos integrais, frescos e crus, pois são desintoxicantes,, hidratantes, alcalinizantes e nutrtivos. Saladas e smoothies (de preferência verdes) podem constituir a base do seu processo de cura. Se não está preparado para uma dieta crua, tente limitar-se a alimentos integrais cozinhados como abóbora, batata-doce, vegetais assados ou cozidos a vapor, legumes e cereais integrais.
  4. Hidrate e Limpe. As fibras e a água fazem com que os vegetais tenham um efeito de limpeza. A fibra na verdade ‘varre’ as paredes intestinais, fazendo com que o corpo elimine as toxinas prejudiciais que podem, caso contrário, permanecer presas. A água, como todos sabemos, ajuda as células do corpo a fazer auto- limpeza.
  5. Todas as Cores. Escolha alimentos com cores fortes e vibrantes – estas significam presença de antioxidantes, vitaminas e fitoquímicos com poderosas propriedades curativas. Tenha atenção aos alimentos com altos níveis de vitamina C pois são poderosos curadores a vários níveis, incluindo as células cancerígenas.
  6. Conheça Novos Alimentos Certos alimentos são conhecidos por terem notáveis propriedades de cura e grande poder nutritivo A família brássica (que inclui couve, repolho e brócolos), as bagas, os germinados (especialmente de brócolos) e muitos legumes verdes escuros, são os seus melhores amigos. Se tiver a sorte de ter acesso a estes super-alimentos vindos directamente da natureza, tanto melhor! Crê-se que alguns deles ajudam a fortalecer os mecanismos de cura do organismo.
  7. Evite Açúcares Refinados. Muitos profissionais acreditam que o açúcar processado é reconhecido pelo organismo como uma droga e não como um alimento. Satisfaça o seu desejo de doces com frutas frescas em substituição do açúcar que também alimenta as células cancerígenas. Se tem um desejo louco por doces, tente satisfazê-lo com tâmaras (Estas podem também ficar de molho durante a noite e serem misturadas com bagas – frescas ou congeladas – para uma deliciosa bebida gelada). Mais em 9 Formas saudáveis de satisfazer o desejo por doces
  8.  Explore os Remédios Naturais. Há uma infinidade de plantas e ervas que ajudam a tonificar os sistemas naturais do corpo e a promover a cura. Procure-os! Irá surpreender-se ao descobrir quais os remédios que já tem a crescer no seu jardim, ou os que poderá facilmente encontrar nas proximidades. Já assistimos a muitos milagres de cura através das plantas.

Os nossos corpos têm uma capacidade incrível de auto-cura mesmo perante os maiores e mais graves desafios da vida. Seja ou não capaz de implementar o “regime nutricional perfeito”, há inúmeros casos de indivíduos que recuperaram de doenças potencialmente fatais, simplesmente eliminando produtos de origem animal em favor de alimentos vegan. A regra básica é parar de ingerir venenos e dar ao seu corpo a nutrição que ele precisa para combater as doenças.

Adaptado de 8 Ways to Find Foods That Heal You de Angel Flinn

Poderá também ter interesse em: